Publicidade

Uma nova imagem de Júpiter feita pelo telescópio James Webb mostra a imponência da Grande Mancha Vermelha no maior planeta do Sistema Solar, a captura foi feita na última quarta-feira (27/7).

Para conhecer mais sobre os detalhes, continue a leitura e surpreenda-se com essa descoberta impressionante!

Conheça as novas imagens do James Webb

Essa Grande Mancha Vermelha captada por James Webb é uma espécie de “furacão vermelho enorme e agitado” que possui o dobro do tamanho da Terra.

Ele é considerado a assinatura de Júpiter.
No registro feito por Webb, é possível ver “os braços” das atividades ciclônicas da Mancha Vermelha, que antes jamais foi tão perceptível por outros telescópios.

Segundo o site Space.com, a imagem foi feita pelo instrumento NIRCam, que observou Júpiter por quase 11 minutos com o uso do filtro F212 N.
Esse equipamento é capaz de observar a luz que tem comprimento de onda mínimo, como de uma bactéria comum.

Todo registro foi compartilhado com o Space.com por cientistas que solicitaram os dados das observações feitas pelo telescópio. Esses especialistas têm acesso aos registros de maneira exclusiva por um ano, para a análise e estudos.

No entanto, a nova captura ainda não está disponível no site oficial da Nasa.

Compartilhar.